holograma para eventos

Live Streaming e Holograma para eventos: como e por que utilizar

Views: 7109

The complete platform for all your events

Book a Meeting
Posted on July 18, 2019

Os hologramas começaram a fazer a cabeça de cientistas ainda nos anos 40. Dennis Gabo, vencedor do Prêmio Nobel de Física, foi o responsável por estudar a fundo essa técnica de registrar padrões de interferência de luz, que podem gerar ou apresentar imagens em 3D. Neste post, você vai entender como os recursos de transmissão simultânea, como o holograma para eventos, deixa o setor ainda mais tecnológico, funcional e criativo.

Desde então, o holograma saiu dos laboratórios de física e invadiu o mundo do entretenimento. Um dos seus usos mais populares atualmente é nos shows ao vivo: o holograma é capaz de dar vida a grandes nomes que já não estão mais entre nós, como Freddie Mercury, Cazuza e Michael Jackson, proporcionando ao público de turnês e festivais uma experiência musical-visual única.

Mas não é só na música que os hologramas têm seu valor. O holograma para eventos vem sendo cada vez mais popular. O presidente da África do Sul, por exemplo, é adepto e defende esse recurso. Enquanto participava de uma audiência em Joanesburgo, Cyril Ramaphosa precisava também palestrar para o público de uma cidade a 130km de distância. O presidente provou que, no século XXI, já é possível que um ser humano esteja em dois lugares ao mesmo tempo, graças ao holograma.

Em um comunicado oficial publicado no site Techtudo, o presidente defendeu o recurso, afirmando que se trata de uma prova dos “avanços da tecnologia e as imensas oportunidades da economia digital”.

TUDO AO MESMO TEMPO AGORA

Além do holograma para eventos, outra alternativa para uma presença simultânea em eventos é o live streaming em eventos, ou a transmissão ao vivo. Esse recurso, mais simples e acessível que o holograma, já é a solução perfeita para muitas empresas que trabalham com eventos simultâneos.

Assim como o holograma para eventos, o live streaming também leva seu evento para qualquer lugar do mundo. É um ótimo recurso para elevar o alcance de sua marca, já que seu conteúdo por muito mais pessoas para além da sala de reunião – especialmente se você divulgar a transmissão ao vivo via email marketing ou nas redes sociais de sua empresa. Essa estratégia também é ótima para engajar uma audiência ainda maior sobre sua marca.

Mas se a sua ideia é deixar o conteúdo exclusivo para quem está presente no evento, o live streaming também pode ser útil. Algumas empresas de grande porte preferem fazer eventos simultâneos em suas filiais, podendo acontecer em cidades e até países diferentes ao mesmo tempo. Nesse caso, o live streaming é útil porque, com ele, é possível disponibilizar uma palestra para pessoas que estão no evento, mas em outro local.

Além disso, o live streaming tem, em média, um tempo de engajamento até 10 vezes maior do que vídeos sob demanda. Gigantes como a Apple, por exemplo, já utilizam do live streaming de maneira rotineira. Todo ano a empresa realiza uma live do evento onde apresenta os novos produtos ao público. Dessa forma, o lançamento pode ser visto não apenas pela imprensa especializada, mas também por potenciais compradores e aficionados por tecnologia. Isso, é claro, ajuda a aumentar o buzz sobre o produto.

Outro uso bastante comum do live streaming é em eventos na área de educação, especialmente de EAD. Esse setor já utiliza o live streaming em seu dia a dia, graças à transmissão de aulas online para alunos de todo o mundo. 

PRIMEIROS PASSOS

Para investir no live streaming, é preciso ter em mente um aspecto essencial: as transmissões ao vivo podem sofrer imprevistos que vão desde a queda de conectividade até algum mau funcionamento da plataforma de streaming. Por isso, é preciso fazer um planejamento cuidadoso do live streaming, contando com todos os recursos tecnológicos possíveis, para que a margem de erro sob uma transmissão ao vivo seja bastante reduzida.

Portanto, é necessário uma boa captura de imagem, com uma boa câmera e microfone adequado – geralmente um bom gravador de voz dá conta do recado – e finalmente, encontrar a plataforma de transmissão ideal para as suas necessidades.

Depois, reflita: vale a pena usar o endcoding ou deixar a transmissão a cargo de um site? O Endcoding é mais trabalhoso, mas garante uma maior qualidade de imagem do que os sites comuns de transmissão ao vivo. Endcoding é transformar o arquivo bruto em uma imagem que possa ser transmitida e “lida” a partir de qualquer computador ou celular. Uma boa ferramenta para automatizar esse processo é o Adobe Flash Media Live Encoder. Depois disso, é encontrar o melhor servidor de streaming para disponibilizar o link para os participantes acessarem, de onde estiverem.

Depois, é só colocar o embed gerado pelo software de encoder no destino onde será realizada a transmissão. Ele pode ser seu site, um hotsite ou até mesmo o mural/fanpage do Facebook ou outra rede social.

Mas também há ferramentas como o Zoom e o próprio YouTube, que oferecem soluções – algumas, gratuitas – para a transmissão ao vivo.

SOLUÇÃO NA PALMA DA MÃO

Há outros recursos ainda mais assertivos que ajudam a fazer dar tudo certo em seu evento transmitido ao vivo, ou com hologramas. Pensando que eventos simultâneos contam com uma logística diferenciada e uma programação extensa e variada, você pode contar com a ajuda de apps para eventos para controlar toda a gestão de hospedagem, agenda de participantes e ainda garantir o engajamento deles.

Alguns exemplos de eventos corporativos que oferecem uma programação variada e simultânea são:

DowDupont: O evento reúne cerca de 1.000 pessoas, entre colaboradores, lideranças e time comercial.  No ano passado, durante o período de uma semana, foram discutidas estratégias de negócios em 13 salas simultâneas.

A solução da empresa foi buscar um aplicativo para eventos que não apenas comunicou informações sobre atividades para os participantes, mas concentrava uma agenda completa dos eventos, personalizada para as atividades que cada participante integraria.

Rede Globo: em 2018, a empresa organizou dois eventos exclusivos com temática de festa junina voltadas para os profissionais de mídia, um em São Paulo e outro no Rio de Janeiro. Os eventos contaram com mais de 2 mil convidados e utilizaram as soluções da InEvent para a sua organização e sincronização. Os principais desafios eram integrar todas as informações dos dois eventos em um único lugar, facilitar a gestão operacional dos eventos em dois Estados e gerar dados em tempo real para análise de ambos, o que foi plenamente conquistado pela plataforma: disponibilizaram um formulário de registro que permitiu a inscrição dos participantes e a moderação das confirmações de presença; um controle de acesso sincronizado entre os dois eventos, possibilitando o acompanhamento de dados como quantas pessoas fizeram o check-in a cada minuto; um sistema de e-mail marketing com e-mails disparados de acordo com o comportamento dos participantes, entre outras ações.

Convenção Libbs: uma das mais expoentes do setor pharma também teve um desafio parecido em seu evento simultâneo. Eles também optaram por uma plataforma de gestão de eventos, que permitiu uma gestão completa da base de participantes de forma segmentada e personalizada. Cada colaborador foi adicionado a vários clusters aos quais pertencia, de modo que centenas de clusters foram criados para abrigar centenas de funcionários no evento.nA logística, itinerários e quartos foram digitalizados com o InEvent Hospitality. Informações sobre hospedagem, localização e horários puderam ser acompanhadas a nível individual pelo celular. 

Deu para notar como hologramas e o live streaming são soluções que vieram para ficar no setor de eventos, não é? Aproveite dos recursos que a tecnologia disponibiliza para oferecer um evento fascinante ao seu público, sem perder de vista a facilitação que esses recursos oferecem também para a gestão de eventos simultâneos!

holograma para eventos
[hubspot portal=”5958648″ id=”5301f3e9-4597-497c-b2ed-bfd694541e55″ type=”form”]
WebManager
© InEvent, Inc. 2024